O grafite de Bruno Life

Graças a Deus – e a qualidade dos trabalhos, ficando cada vez mais lindos e bem feitos – as pessoas tem mudado bastante seus conceitos (ou preconceitos) sobre os grafiteiros e sua arte, que em minha humilde opinião, trazem ainda mais vida e cor para as cidades e centros urbanos, cinza concreto por essência.

Lembro-me que quando era pequeno ficava fascinado passeando pelas ruas de São Paulo, cidade que sempre serviu de tela para esses artistas. Aqui no nosso blog mesmo, já falamos do assunto em vários posts.

Hoje em dia essas pinturas estão se tornando profissão e até verdadeiras peças de arte. Que se destaque o trabalho  do artista Eduardo Kobra, brasileiro, e um dos maiores artistas contemporâneos do mundo nessa arte. Tendo trabalho expostos em Nova York, Tóquio, Cidade do México e diversas outras grandes cidades espalhadas pelo mundo.

E por falar em obra de arte, esse tipo de pintura tem saído das ruas e seus grandes muros para entrar em galerias e decorar salas dos mais variados gostos e estilos. Um desses artistas, que já ganhou até exposição, é o carioca Bruno Life, que como todo grafiteiro que se preze, começou nas ruas, mas depois de estudar belas artes na UFRJ, viu a oportunidade de ter suas obras decorando os mais variados ambientes. O mais engraçado é que sua primeira exposição, denominada “Fragmentos”, como explica o próprio nome, expunha fragmentos das grandes pinturas que ele fazia nas ruas, destacando apenas partes das obras como um todo. Mas com o passar do tempo, e vendo mercado para isso, passou a fazer pinturas mais especificas para o tamanho reduzidos das canvas dos quadros.

Dê uma bela olhada nos seus trabalhos e veja se não teriam espaço na sua sala ou escritório.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...