X
Menu

Propaganda de banco. Você acredita?!

Propaganda de banco. Você acredita?!

Será que sou só eu e algumas pessoas com quem converso nas filas que passam raiva no banco? Nenhum funcionário do CONAR, político, policial, comandante, coronel, advogado, juiz ou gestor passa pelas situações que a maioria da população passa? Ninguém vê a propaganda enganosa que todos os dias passam nos canais de TV? Ninguém se pergunta pra onde vão as taxas e juros, inclusive bastante abusivos, que pagamos pelos serviços bancários?

É escandaloso o que acontece nos bancos, o jeito que as pessoas são tratadas, os absurdos que ouvimos e mais um monte de outras situações que, se forem citadas, vão levar dias ou talvez anos, para serem lidas. Quem os fiscaliza? A quem eles respondem (se é que respondem)?

Vamos para para analisar algumas dessas propagandas e sua responsabilidade com a verdade.

A primeira é essa do Bradesco, lançada para comemorar a entrada de 2014.

O tema do filme é “Quero que todo mundo tenha” e mostra um monte de crianças falando sobre suas expectativas para 2014, algumas inclusive bem engraçadinhas. Será que elas sabem o que as espera no futuro? Porque ninguém fala sobre um atendimento e tratamento melhor aos clientes?!

Hoje mesmo cheguei numa das agências desse banco, localizada na Estrada do Coco, no município de Lauro de Freitas – BA, para fazer um simples saque no “Caixa Rápido” (kkkkkkk…. só rindo mesmo!). A agência conta com 8 dessas máquinas, sendo que uma delas apenas para cheque. Dessas 8, apenas 3 estavam funcionando, duas para depósitos e uma para saque, sendo que as que faziam depósitos não faziam saque e a que fazia saque não fazia depósitos, além da de cheque que estava desligada da tomada e com o fio no aparente no chão. Além disso, pra piorar, o ar condicionado estava desligado.

Fui falar com uma funcionária (com cara de poucos amigos e pouco se lixando para os clientes) sobre a situação, e a mesma me respondeu que “não podia fazer nada!”. Quem pode então? Eu que sou cliente? Pra onde vão as taxas que pagamos? Não merecemos um melhor atendimento mesmo pagando mundos e fundos para os bancos?!

Pois bem, depois de 23 minutos de muito suor e estresse na fila, consegui fazer o saque e fui para uma agência da Caixa, localizada na Avenida Luis Tarquínio, também em Lauro de Freitas-BA para pagar um titulo. Mas antes de continuar, vamos ver também uma propaganda da Caixa, que tem como slogan a frase, “Vem pra Caixa você também, vem!”.

Esse vídeo foi lançado em 2011, mas é bastante atual em sua mensagem de como as pessoas são felizes no banco. Porque não abrem aos sábados de noite e aos domingos para o lazer das pessoas?! É melhor ir no banco que estar numa festa entre amigos ou ir na praia com a família.

Continuando a peregrinação. Saindo do Bradesco com meu “suado” dinheirinho, fui a Caixa pra fazer um pagamento e fui recebido por uma funcionária postada na entrada da porta giratória:
– Boa tarde senhor, o que senhor deseja?!
Educadamente respondo,:
– Boa tarde, vou fazer um pagamento.
– O senhor pode me mostrar o titulo?
– Claro, mas pra que? O pagamento está sendo feito aqui fora?
– Não senhor, é que aqui só são aceitos pagamentos acima de R$ 700,00. Para boletos de menor valor, indicamos que procure uma casa lotérica.
– Desculpe moça, não entendi? Aqui não é uma agência bancária?!
– Sim senhor, mas só aceitamos títulos acima de R$ 700,00.
– Mas no boleto, que é da própria Caixa, está escrito, “Pagável em qualquer agência da Rede Bancária, Rede de Casas Lotéricas, Correspondentes Bancários “CAIXA AQUI”, Terminais de Auto Atendimento CAIXA e Internet “Banking” Caixa.
– Desculpe senhor, mas essa e a regra que me foi passada pelo gerente.
– Ok, então gostaria de falar com o gerente, deve estar havendo um mal entendido.
– Infelizmente ele não pode te atender senhor.
– Mas porque, a função dele não é atender o público e resolver os problemas da agência?!
– Sim senhor, mas infelizmente ele não vai poder te atender.
– E com quem posso falar para resolver isso?
– Infelizmente ninguém senhor. O jeito é se dirigir a uma casa lotérica!

Acabei tendo que ir, com a cabeça ainda mais quente, para uma casa lotérica cheia e sem ao menos um ventilador pra refrescar a cabeça.

Quem fiscaliza isso? Pra onde vai nosso dinheiro? Só os Vips são respeitados e atendidos como devem ser? Onde ficam essas agências que todos são felizes e prestam um bom serviço?

Vale lembrar que isso não acontece só no Bradesco ou na Caixa, mas também no Banco do Brasil (pelo nome da instituição já era de se esperar ser uma grande piada), Itaú, Santander, etc. Esse abuso é frequente e evidente na expressão das pessoas que estão nos bancos e precisam deles.

Você realmente acredita em propaganda de banco?! Cadê o CONAR? Cadê o Banco Central? Cadê o governo? Será que estão nas agências mostradas nas propagandas, dançando e cantando como o mundo é lindo e os bancos o paraíso?!

Categorias

Acompanhe-nos no Facebook